sábado, 15 de dezembro de 2012

Qual a tua ocupação na vinha?


Através da "Parábola da vinha" conforme Isaías: 5, Deus chama Israel a uma frutificação mediante o investimento na vinha que fora cercada e cuidada. Nela havia uma torre, uma sebe e um lagar, exemplificando o cuidado do Senhor para com a sua igreja e com o seu povo. Isso apresenta a expectativa que Deus tem de uma vida ética e moral para os seus.

Com base em Isaías 5 e cantares capitulo sete versículo 12, a preletora  Aparecida Borges discorreu sobre o tema "Qual a tua ocupação na vinha?" no 13º Congresso de Senhoras em João Pessoa. O evento contou também com a participação dos preletores Pr. Josué Brandão e Missionária, Samira Santos. Foram dias marcados por muita unção e graça no meio do povo na Assembléia de Deus paraibana. 
.
Ir. Nalva coordenadora geral do C. Oração, Aparecida Borges, 
Ir. Carmem (esposa do pastor) e missionária Samira Santos.
Aparecida Borges, ir.Carmem e esposo Pr. José Carlos
Ir.Aparecida e Ir. Nalva (coordenadora)
Ir.Aparecida e Ir.Nalva (coordenadora)

Sê fiel até a morte...


"Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida"
 (Apocalipse 2.10)

A carta endereçada a igreja de Esmirna cuja significado do nome é "mirra" visava confortar os crentes que na época não se dobravam no culto ao imperador,muitos judeus corrompidos perseguiam a igreja que aparentemente era muito pobre, mas que ouviu da boca do Senhor "tu és rico".
  
"Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida", versículo 10 do segundo capitulo do Livro de apocalipse,  foi o tema da grande festa por ocasião dos 36 anos do Círculo de Oração e aniversário do departamento Feminino da congregação de Nova Assunção em Fortaleza. Esse evento magnífico teve como preletora a irmã Aparecida, sendo a cantora convidada, a irmã Graça Sampaio. Veja-se algumas imagens.

Aparecida Borges e Graça Sampaio

 Aparecida Borges,Tânia, Margarida e Graça Sampaio 



quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Missão: muitos são encantados, mas poucos sensibilizados

Essas meninas queriam muito ganhar suas bicicletas para poder evangelizar nesse lugar que na verdade não é o seu lar de origem. Elas são missionárias. E como nessa época de Natal é um período no qual se costuma dar ou desejar receber presentes, elas oraram pedindo esses presentinhos. A quem elas pediram? Pediram a Jesus, e Ele prontamente as atendeu. Como as bicicletas chegaram até elas não é parte relevante dessa história, o importante é saber que suas orações foram ouvidas. No entanto, há sempre uma curiosidade em torno desse caminho, todavia nem sempre quando o milagre é explicado contribui para exercitar a fé de todos. Se Jesus fez tal coisa, o ser humano não deve se condecorado pelo feito. Até porque há pessoas que correm o risco de achar que podem percorrer esse mesmo caminho para alcançar sua graça e passam a pedir aos homens ao invés de esperar em Deus. 
.
Papai Noel não existe, mas Jesus existe, e tem força e poder, por isso os missionários são ouvidos, porque usam a fé e pedem de maneira apropriada. Deus usa pessoas para executar seus desígnios, e ao que parece os que não tem riquezas são os mais inclinados a contribuir. Sabemos que nem sempre as pessoas podem ajudar porque tem momentos em que Deus endurece os corações para testar a fé dos fieis, como fez com Faraó quando Moisés, por ordem divina, tentava tirar o povo hebreu do Egito. Todavia, o cristão deve manter seus ouvidos atentos para ouvir a voz de Deus para entender quando deve ou não contribuir. Está escrito: “tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós” (Mateus 7, 12). Portanto há sempre alguém a quem podemos ajudar, e devemos fazer disso um compromisso, especialmente no que se referem aos que estão nos campos missionários vivendo pela fé.
.
Missão é um elo que liga pessoas em torno de um mesmo propósito: trabalhar para o Pai, ganhar vidas para o seu reino. “Muitos são chamados poucos escolhidos” (Mateus 22,14), essa é uma verdade bíblica que não devemos ignorar. Em qual dos lado nos encaixamos: nos muitos chamados ou nos poucos escolhidos? Somos chamados para orar, somos chamados para partir, somos chamados para contribuir. Os que são insensível são chamados, mas não se fazem escolhidos em nenhuma dessas três categorias.

Link da foto
http://missionariakelem.blogspot.com.br
/2012/12/mais-uma-oracao-respondida.html


terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Esperar com Paciência


Esperei com paciência no Senhor, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor. (Salmo, 40,1)

O salmista Davi diz que Deus ouve a alma paciente. Esperar com paciência é esperar o tempo de Deus, sem murmuração, sem exigências ou ressentimento. Esperar com paciência é aceitar o silêncio ou a mesmo a resposta negativa do todo poderoso. Se não tivermos cuidados passamos a fazer exigências em nossas petições e nos decepcionamos quando não recebemos conforme nossa determinação. Por motivos diversos, Deus pode não desejar nos conceder aquilo que estamos lhe pedindo, e neste caso, é bem melhor que seja feita a sua vontade. Mas se por outro lado o que pedimos tem a aprovação do Grande Pai para nossas vidas, é só aguardar com paciência, porque os desígnios de Deus não podem ser impedidos.

Texto de Margarete Solange
autora do livro
O crente não escolhe, 
é um escolhido.
Editora Queima Bucha, 

MEDITE NISSO...

MEDITE NISSO...
A leitura diária da Bíblia sagrada é o nosso alimento espiritual. Ler as sagradas escrituras diariamente nos dará vigor e nos fará mais saudável e FELIZ